Toffoli toma posse no STF em evento para mil convidados

Numa cerimônia que durou cerca de 10 minutos, o advogado José Antonio Dias Toffoli foi empossado nesta noite ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) prometendo trabalhar com parâmetro na Constituição e sempre em defesa da vida, da liberdade e do patrimônio. Cerca de mil convidados participaram da solenidade.

MARIÂNGELA GALLUCCI, Agencia Estado

23 Outubro 2009 | 19h16

"A vida de magistrado é uma vida voltada à nação brasileira, ao serviço público, ao povo brasileiro, tendo em conta a função da Corte Suprema que é a guarda da Constituição", definiu ele em uma rápida entrevista após a posse.

Toffoli é o mais jovem ministro do Supremo desde a Constituição de 1988. É também o oitavo ministro do STF indicado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Além do presidente Lula e de todos os presidentes de Tribunais Superiores, participaram da solenidade o vice José Alencar, os presidentes do Senado, José Sarney, e da Câmara, Michel Temer, a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, quadro governadores - José Serra (São Paulo), Sérgio Cabral (Rio de Janeiro), Paulo Hartung (Espírito Santo) e Jaques Wagner (Bahia) - e o ex-piloto de Fórmula 1 Emerson Fittipaldi.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.