1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Mensalao

TJ-DF corrige multas de Genoino, Rollerbach e Costa Neto

RICARDO DELLA COLETTA - Agência Estado

10 Janeiro 2014 | 18h 29

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal divulgou nesta sexta-feira, 10, os valores das multas já corrigidas que três condenados no processo do mensalão terão de desembolsar. Pelo crime de corrupção ativa, o ex-presidente do PT, José Genoino, terá de pagar uma multa de R$ 667,5 mil até o dia 20 de janeiro, sob pena de inscrição do débito na dívida ativa da União.

O ex-sócio de Marcos Valério, Ramon Rollerbach, terá que pagar R$ 3,9 milhões. O valor imposto ao ex-presidente do PR, Valdemar Costa Neto, é de aproximadamente R$ 1,6 milhão. Ambos também terão que efetuar os pagamentos até 20 de janeiro. Todos os valores estão atualizados. Apesar de também terem sido intimados, a assessoria de imprensa do TJ não informou oficialmente os valores que o empresário Marcos Valério e seu ex-sócio, Cristiano Paz, terão de desembolsar.

No início desta semana, a Vara de Execuções Penais determinou que Genoino pague a multa referente a sua condenação no mensalão. O valor calculado para Genoino tem como data-base o ano de 2003 e, sem correção, é de aproximadamente R$ 360 mil, de acordo com sua defesa.

Genoino, que também foi condenado por formação de quadrilha, está cumprindo prisão domiciliar em Brasília. O advogado do ex-deputado, Cláudio Alencar, argumenta que ele não tem os recursos para saldar o débito. "O imposto de renda dele é conhecido por todo mundo. A sua casa (em São Paulo) é seu único patrimônio", afirmou Alencar ao Broadcast Político, serviço em tempo real da Agência Estado.

Apoiadores de Genoino lançaram um site para recolher doações de pessoas interessadas em ajudá-lo a pagar a dívida. No portal intitulado Apoie Genoino, os familiares do ex-deputado dizem que ele foi "condenado sem provas" e submetido a um "linchamento midiático".

Em nota publicada nesta sexta-feira, o presidente nacional do PT, deputado estadual Rui Falcão, conclamou os militantes a participarem de uma "corrente de solidariedade" para ajudar os também condenados José Dirceu, Delúbio Soares e João Paulo Cunha, além do próprio Genoino. "O presidente nacional do PT, Rui Falcão, conclama os militantes, filiados, simpatizantes e amigos(as) do PT a contribuírem para o pagamento da multa injustamente imposta ao companheiro José Genoino Neto", diz a nota publicada no site oficial do partido.

Mensalao