1. Usuário
Assine o Estadão
assine

TCU deve checar doações de Graça em cartório

BEATRIZ BULLA - Estadão Conteúdo

20 Agosto 2014 | 20h 37

O ministro relator do processo que apura o caso Pasadena no Tribunal de Contas da União (TCU), José Jorge, afirmou nesta quarta-feira que irá pedir diligências para apurar a possível doação de bens da presidente da Petrobras, Graça Foster, e do ex-diretor da área internacional da empresa, Nestor Cerveró. No gabinete do ministro, contudo, ainda não se sabe qual medida será tomada. Segundo fontes ouvidas no Tribunal, a previsão é de que a Corte faça inicialmente um levantamento das doações realizadas e bens em nome de Graça Foster em cartório.

José Jorge evitou responder quais serão as diligências para apurar a questão, dizendo que o caso é inédito. "Eu não pensei ainda. Estou tomando muito susto nesse processo", disse, afirmando que soube da doação durante o julgamento do caso.

Com a divulgação de notícia sobre a doação de imóveis de Graça Foster e Cerveró, o TCU adiou mais uma vez hoje o julgamento do processo que irá definir se bloqueia o patrimônio da presidente da empresa, como fez com os demais ex-dirigentes envolvidos no processo de aquisição da refinaria de Pasadena.