1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Eleições 2014

Suguem mais um pouco e venham para o nosso lado, diz Aécio à base de Dilma

Débora Bergamasco - O Estado de S. Paulo

25 Junho 2014 | 18h 46

Em tom de provocação, candidato do PSDB à Presidência afirmou que novas siglas dissidentes vão aderir à sua campanha

Brasília - O senador Aécio Neves (MG), candidato do PSDB à Presidência, afirmou nesta quarta-feira, 25, que novos dissidentes da base de apoio do governo vão aderir à sua candidatura. Segundo o tucano, o governo não percebeu ainda esse movimento porque esses aliados ainda vão "sugar um pouco mais" antes de anunciarem sua adesão à sua campanha. Aécio disse concordar com a estratégia desses supostos futuros aliados.

"Eu digo: façam isso mesmo. Suguem mais um pouquinho e depois venha para o nosso lado", disse essa tarde, em Brasília.

Aécio afirmou que espera conseguir fechar novos acordos políticos no Nordeste, considerado estratégico para sua candidatura pela hegemonia que o PT tem obtido na região nas três últimas eleições. Depois de fechar acordos importantes na Bahia, Piauí e Maranhão com dissidentes da base governista, o próximo alvo está no Ceará.

"Esperamos ter novidades no Nordeste nas próximas 48 horas", disse se referindo ao Ceará e a uma possível aliança com o senador Eunício Oliveira (PMDB).

Eleições 2014