Sobrinha de Toffoli é hostilizada em rede social após votação no STF

Sobrinha de Toffoli é hostilizada em rede social após votação no STF

Ministro votou a favor do habeas corpus concedido ao ex-presidente Lula

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

05 Abril 2018 | 19h14

SOROCABA – Familiares do ministro do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, que votou a favor da concessão do habeas corpus ao ex-presidente Lula, foram hostilizados em redes sociais, nesta quinta-feira, 5, em Marília, interior de São Paulo, onde reside a família. Na página da sobrinha do ministro, Cintia Sugimoto, foram postados xingamentos a Dias Toffoli, como “nosso ministro, sem competência, mas um tremendo f...d...p..., mal parido”.

Moro ordena que Lula se apresente à PF até amanhã

Os comentários resvalaram para ofensas com palavras de baixo calão e referências impublicáveis à mãe do ministro. “Triste, lamentável ver esse tipo de comentário, ofendendo uma pessoa pública, uma mãe já falecida, uma mulher, uma família toda”, escreveu Cíntia, pedindo respeito à família. O pai dela e irmão do ministro José Luiz Dias Toffoli, também em rede social, lamentou o fato. “Hoje, minha filha Cíntia digitou e publicou o texto abaixo, devido às maldades de pessoas que não nos conhecem ou mesmo desprezam-nos por ódio e inveja.”

PF foi surpreendida com decisão rápida da Justiça sobre Lula

 No texto, Cíntia afirma que as pessoas que a conhecem sabem de sua ideologia política e que expõe seus pensamentos por entender que vivemos numa democracia. “O que precisamos é de respeito, e se vamos publicar algo que vamos reivindicar, protestar... que seja com argumentos”, escreveu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.