Roberto Stuckert Filho/PR
Roberto Stuckert Filho/PR

Sem falar com jornalistas, Dilma inicia viagem a Estocolmo

Presidente tem encontro oficial com os soberanos da Suécia, o rei Carlos XVI e a rainha Silvia, e reunião com empresários brasileiros

Andrei Netto, Correspondente, O Estado de S. Paulo

17 Outubro 2015 | 17h15

PARIS - A presidente Dilma Rousseff chegou no início da noite deste sábado, 17, a Estocolmo, na Suécia, primeira etapa de uma turnê que incluirá ainda a Finlândia. Na chegada, a presidente não falou aos jornalistas, e se limitou a acenar quando foi questionada sobre se o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, de fato permanecerá no cargo.

Dilma está na Suécia acompanhada de seis ministros: o das Relações Exteriores, Mauro Vieira, o da Defesa, Aldo Rebelo, e o do Desenvolvimento, Armando Monteiro Neto, o da Ciência e Tecnologia, Celso Pansera, o das Comunicações, André Figueiredo, e o secretário de Assuntos Internacionais, Marco Aurélio Garcia.

Neste domingo, a presidente tem encontro oficial com os soberanos da Suécia, o rei Carlos XVI e a rainha Silvia, além de reunião com um grupo de empresários brasileiros. O ponto alto da visita, entretanto, deve ser a visita à cidade de Linkoping, onde se localiza a linha de montagem da Saab, companhia que vendeu ao Brasil os novos caças da Força Aérea Brasileira (FAB), Gripen NG.

Mais conteúdo sobre:
Dilma Suécia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.