1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Eleições 2014

Secretário de Campos será candidato ao governo de Pernambuco

Ângela Lacerda - O Estado de S. Paulo

20 Fevereiro 2014 | 15h 53

Titular da Secretaria da Fazenda, Paulo Câmara deve anunciar candidatura nesta sexta; Raul Henry (PMDB)será candidato a vice

RECIFE - O secretário estadual da Fazenda de Pernambuco, Paulo Câmara deverá ser anunciado oficialmente, nesta sexta-feira, 21, como o candidato à sucessão do governador e presidenciável Eduardo Campos (PSB). Seu nome foi citado como opção em matéria do Estado que indicava que o candidato deveria ser escolhido dentro do ciclo familiar do governador. Câmara é casado com Ana Luíza, prima em segundo grau de Campos.

Concursado do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Câmara é homem de confiança do presidenciável e tem experiência no governo estadual, já que ocupou as pastas de Administração e do Turismo no primeiro governo (2007/2010) e a da Fazenda desde 2011. Seu nome tem livre trânsito tanto no âmbito governamental e político como na área empresarial. O fácil convívio e aceitação entre os aliados de Campos ajudou na escolha do seu nome.

O deputado federal do PMDB, Raul Henry, será o candidato a vice. O senador Jarbas Vasconcelos anunciou recentemente que não disputaria o Senado, indicando Henry para compor a chapa, o que foi concretizado.

O ex-ministro da Integração Nacional Fernando Bezerra Coelho (PSB), que lutou até o fim para ser o candidato ao governo, foi convidado na quarta, 19, para disputar o Senado. O convite está sendo avaliado. Ele ainda não deu sua resposta.

O anúncio deve ocorrer na manhã desta sexta-feira, pondo fim a uma série de especulações, que envolveu o ex-deputado federal Maurício Rands, os secretários de Estado Tadeu Alencar (Governo) e vice de Campos, João Lyra (PDT). O governador ainda deve conversar com Lyra, que está insatisfeito por não ter sido escolhido.

Eleições 2014