1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Mensalao

Roberto Jefferson pergunta aos policiais se chegou o mandado de prisão

Marcelo Gomes - Enviado especial - O Estado de S. Paulo

22 Fevereiro 2014 | 08h 17

Delator do mensalão prometeu à Polícia Federal se entregar na manhã deste sábado

RIO - O ex-deputado federal Roberto Jefferson apareceu na sacada de sua casa em Levy Gasparian, interior do Estado do Rio, por volta das 7h deste sábado, e perguntou aos policiais federais que fazem plantão no local se o mandado de prisão havia chegado. Ele veste calça jeans e camisa social azul. Os agentes responderam que não. Jefferson, então, desejou bom dia aos policiais e jornalistas e voltou para dentro da residência.

Há cinco agentes da Polícia Federal no local, em duas viaturas (uma delas preta, descaracterizada). Os agentes disseram que, sem receberem o mandado de prisão, não poderão conduzir Jefferson à Superintendência da PF no Rio de Janeiro, mesmo que ele decida se entregar. Se quiser se apresentar, o ex-deputado terá de usar um veículo próprio.

Mais cedo, um agente da PF entrou na residência e conversou com Jefferson. Ficou acertado que depois que o mandado de prisão chegar por e-mail, o documento será impresso na casa do ex-deputado. Isso evitaria que um oficial de Justiça fosse enviado do Rio de Janeiro, a cerca de 150 quilômetros de distância, para cumprir a ordem judicial.

Mensalao