1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Mensalao

Roberto Jefferson anuncia 'vaquinha' para pagar multa de R$ 720 mil

Daiene Cardoso - O Estado de S. Paulo

21 Fevereiro 2014 | 19h 32

Pouco antes de ter prisão decretada, delator do mensalão lançou campanha para arrecadar doações

Brasília - Pouco antes da decretação de sua prisão, o presidente licenciado do PTB e ex-deputado federal, Roberto Jefferson, delator do esquema do mensalão, lançou uma campanha nas redes sociais pedindo contribuições para o pagamento de sua multa de R$ 720 mil. "Minha conta no BB está disponível para os amigos, correligionários e interessados em oferecer sua contribuição", escreveu Jefferson em sua conta no Twitter.

O petebista anunciou também que está vendendo um escritório de advocacia no centro do Rio de Janeiro para completar os recursos. Ele pediu que os depósitos fossem identificados. "Lembro que, para garantir o caráter de transparência e lisura no processo, enviarei ao STF (Supremo Tribunal Federal) a lista com o nome e o CPF dos que contribuírem", ressaltou.

Exemplo. Jefferson segue o exemplo dos petistas condenados no mensalão. O ex-deputado José Genoino arrecadou R$ 761,9 mil para pagar uma multa de R$ 667,5 mil. O excedente foi enviado ao ex-tesoureiro do PT, Delúbio Soares, que arrecadou mais de R$ 1 milhão para pagar uma multa de R$ 466,8 mil.

Mensalao