ALEX SILVA/ESTADAO
ALEX SILVA/ESTADAO

Reunião marca início de campanha para prévias do PSDB em São Paulo

Evento do diretório municipal reúne os três postulantes das primárias que vão definir nome que vai disputar a Prefeitura

RICARDO CHAPOLA, O Estado de S. Paulo

12 Janeiro 2016 | 03h00

O diretório municipal do PSDB se reuniu nesta segunda-feira, 11, para regulamentar a realização das prévias no partido – disputa interna pela qual a legenda escolhe o candidato para as eleições a prefeito deste ano. As primárias do PSDB estão marcadas para o dia 28 de fevereiro. Na prática, o evento deu início à campanha interna para a definição do candidato do PSDB à sucessão do prefeito Fernando Haddad (PT). 

A reunião, que ocorreu no centro de São Paulo, contou com a presença dos três postulantes à vaga: o vereador Andrea Matarazzo, o deputado federal Ricardo Tripoli e o empresário João Doria Jr. Eles compuseram a mesa junto com os membros da Executiva Municipal. Foi a primeira vez em que os três participaram de um mesmo evento do PSDB após terem manifestado interesse em disputar as eleições.

Apesar da acirrada disputa nos bastidores, o clima entre os tucanos era amistoso. Matarazzo, Doria e Tripoli trocaram cumprimentos quando chegaram ao local da reunião. O empresário e Tripoli sentaram um ao lado do outro, enquanto Matarazzo permaneceu do outro lado da mesa.

Adesivos. Eles elogiaram o processo de prévias no partido. “É muito saudável para o PSDB. Ajuda a fazer democracia no partido”, disse Doria Jr., que chegou à reunião distribuindo adesivos com a mensagem “Acelera”. Muitos militantes do partido iniciaram a reunião com o material do empresário colado no peito.

Doria é visto por uma ala do partido como o pré-candidato apoiado pelo governador Geraldo Alckmin. Esse “selo” foi adquirido depois que Alckmin apareceu em um vídeo fazendo uma declaração pró-Doria durante um jantar. 

Matarazzo tem o apoio dos senadores tucanos Aloysio Nunes Ferreira e José Serra e do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

Tripoli foi definido na semana passada como pré-candidato na disputa pela vaga. A informação foi antecipada pelo Estado. Ele tomou a decisão com o apoio do suplente a senador José Aníbal e do deputado federal Bruno Covas. 

Para Tripoli, a realização de prévias é salutar. O deputado elogiou Doria Jr. e Matarazzo, a quem chamou de “adversários momentâneos”. “As prévias são salutares, é importantíssimo para o partido”, disse Tripoli. 

O parlamentar também aproveitou a reunião de ontem para fazer sua inscrição para as prévias. Doria Jr. e Matarazzo já estão inscritos. “Eles não são oponentes. São adversários momentâneos. Eles são ótimos, mas eu sou a cara do PSDB.”

Matarazzo voltou a elogiar a entrada de Tripoli na disputa interna. A avaliação de membros do partido é de que a existência de mais um interessado pela vaga de candidato despolariza o processo. “Acho ótima a entrada de Tripoli. É um quadro histórico, com vários mandatos”, afirmou Matarazzo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

0 Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.