1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Relator do caso Vargas no Conselho de Ética da Câmara critica pedido de vista

Erich Decat - Agência Estado

22 Abril 2014 | 18h 46

Para Júlio Delgado (PSB-MG), 'medida protelatória' de Zé Geraldo (PT-PA) deve adiar votação sobre cassação do deputado licenciado para as vésperas da eleição

Brasília - Relator do parecer favorável à admissibilidade do processo contra André Vargas (PT-PR), o deputado Júlio Delgado (PSB-MG) criticou nesta terça-feira, 21, a manobra regimental adotada pelo colega Zé Geraldo (PT-PA), que, com um pedido de vista, adiou a discussão. Nos cálculos do mineiro, com o adiamento da discussão, a tendência é que o parecer final, em que poderá constar um pedido de cassação de Vargas, seja votado apenas na véspera das eleições de outubro.

O parecer pela aadmissibilidade discutido esta terça na Comissão não trata da questão de mérito mas apenas se o processo deve ter continuidade, ou não, no colegiado. Após o início da sessão desta terça-feira, o deputado Zé Geraldo pediu vista (mais prazo para análise do processo). Em seguida, o presidente do Conselho, Ricardo Izar (PSD-SP), determinou que o colegiado voltasse a se reunir apenas na próxima terça-feira, 29.

"No dia da designação da relatoria desse processo, nós dissemos que, dependendo do andamento que eles iam dar a esse procedimento, a gente poderia terminar antes do início da Copa do Mundo e até o recesso parlamentar, que é dia 18 de julho. Já no primeiro momento, que é o da admissibilidade, há um pedido de vista, que é um pedido protelatório", afirmou Delgado após a sessão.

"Se nós vamos votar no início de maio a admissibilidade. Aprovado [relatório preliminar], é aberto tempo para direito de defesa, no prazo de dez dias úteis, depois acontecem as oitivas das testemunhas. Dessa forma, vamos entrar em maio e junho adentro e aí eu volto a dizer: vai depender da dinâmica do deputado André Vargas e do Partido dos Trabalhadores se eles têm interesse em estender esse processo para além do recesso parlamentar ou se a gente pode esgotá-lo até 18 de julho", ressaltou o relator.

Nos cálculos dele, a discussão do parecer final pode ocorrer apenas na véspera das eleições de outubro. Antes do pedido de vista feito por Zé Geraldo, o relator apresentou o parecer para que o processo prosseguisse em discussão no colegiado. "Há reportagens que relacionam a ele os fatos narrados e, ao menos em tese, o fornecimento de informações privilegiadas e a intermediação de interesses de terceiro junto a ministério, aliada a recebimento de vantagens, pode constituir ato incompatível ao decoro parlamentar" afirmou Delgado durante a leitura do documento.

Ligações perigosas. O Conselho de Ética investiga a relação entre André Vargas e o doleiro Alberto Youssef preso na operação Lava Jato da Polícia Federal. O petista também é alvo de um outro processo disciplinar no conselho de ética do próprio partido que também deverá investigar sobre o mesmo tema. Desde que foi revelado que o paranaense usou um jatinho emprestado pelo doleiro, integrantes da cúpula do PT vêm pedido que o deputado renuncie ao mandato. A iniciativa serviria para "estancar o sangramento" do deputado e do partido em um momento pré-eleitoral.

O deputado chegou a sinalizar que iria abrir mão do cargo na semana passada, e, após recuar da decisão, passou a ser alvo de fortes criticas de integrantes da Executiva Nacional do PT. "A renúncia é uma decisão pessoal. Nem eu, nem o PT podemos obrigá-lo. Mas seria bom para ele se o fizesse. E agora", afirmou ao Broadcast Político na última sexta-feira. 18, o presidente nacional do PT, Rui Falcão.

 

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo