1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Relação com Angola ganha intensidade, diz Dilma

BEATRIZ BULLA E CARLA ARAUJO - Agência Estado

16 Junho 2014 | 16h 49

A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta segunda-feira, durante visita do presidente de Angola, José Eduardo Santos, que as relações entre os dois países se expandem e ganham intensidade. Dilma disse ter expressado a Santos que o Brasil quer continuar participando do desenvolvimento industrial angolano. Ela citou empresas brasileiras com atuação em Angola como Odebrecht, Vale, Camargo Correa, Queiroz Galvão e Andrade Gutierrez.

"Operamos ativamente como parceiros estratégicos e em áreas muito relevantes e de grande importância seja para o desenvolvimento angolano seja para o desenvolvimento brasileiro", disse Dilma. Ela afirmou que os dois discutiram durante a visita a forma de potencializar comércio e investimentos nos países.

Além disso, a presidente manifestou sua satisfação pela assinatura de protocolo sobre facilitação de vistos, que deve estender para 24 meses a validade de vistos de negócios entre os dois países. Ela mencionou avanços na cooperação entre os dois países em defesa, citando a aquisição de seis aeronaves pela Força Aérea de Angola, e também na área educacional. "Manifestei interesse em explorar novas parcerias na indústria naval", disse também a presidente.