1. Usuário
Assine o Estadão
assine


PP evita se posicionar por ora sobre CPI da Petrobras

ERICH DECAT - Agência Estado

26 Março 2014 | 12h 01

Em meio à iniciativa da oposição de coleta de assinaturas para criação de uma CPI mista para investigar denúncias de irregularidades na Petrobras, o líder do PP na Câmara, Eduardo da Fonte (PE), afirmou nesta quarta-feira, 26, que só terá um posicionamento sobre o assunto na próxima semana. Questionado sobre se apoiava a criação da comissão, ele enfatizou que só poderá se posicionar após reunião da bancada prevista para a próxima terça-feira, 1º de abril.

Até o momento, o partido já contribui com duas assinaturas, uma na Câmara e outra no Senado, de acordo com dados divulgados por integrantes da oposição. "Se a bancada for contra, lógico que as assinaturas do partido serão retiradas. Mas, se for a favor, todos os demais deverão assinar", disse o líder. O PP tem 39 deputados e 5 senadores em exercício. A CPI mista só poderá ser instituída se houver 27 assinaturas no Senado e 171 na Câmara.