1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Polícia recupera armas roubadas do sítio de Malhães

Agência Estado

12 Maio 2014 | 11h 36

A Polícia Civil do Rio recuperou no último fim de semana "grande parte" das armas roubadas da casa do coronel reformado do Exército Paulo Malhães. Torturador confesso de presos políticos durante a ditadura militar brasileira, Malhães morreu no dia 24 de abril durante suposto assalto no sítio onde morava, na zona rural de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense.

Com base em análises do setor de inteligência policial, os agentes da Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) realizaram diversas diligências em vários pontos de Nova Iguaçu e conseguiram localizar uma residência onde o armamento estava escondido. Duas pessoas que estavam no local foram presas em flagrante por porte ilegal de arma.

Além das armas, foram encontrados no imóvel munição e outros utensílios domésticos roubados da casa de Malhães.