1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Eleições 2014

PMDB da Bahia se coliga ao DEM e PSDB na oposição

LUCIANA NUNES LEAL - Agência Estado

10 Abril 2014 | 11h 48

A eleição na Bahia terá o PMDB aliado à oposição, em coligação com o DEM e o PSDB do tucano Aécio Neves. O ex-deputado e presidente do PMDB-BA, Geddel Vieira Lima, anunciou há pouco no Twitter que será candidato ao Senado, na chapa do ex-governador Paulo Souto (DEM), que disputará o governo. O ex-deputado tucano Joacy Góes será candidato a vice.

"Depois de muita reflexão resolvi disputar pela Bahia uma cadeira no Senado da República", disse Geddel. "Disputei a prerrogativa de disputar o governo, não importa como, perdi, tenho que olhar para frente, a vida não pode ser construída com lamento e amargor", afirmou o peemedebista.

Minutos antes, o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), anunciou a chapa da oposição, com Geddel candidato ao Senado. "A união das oposições foi mantida e vamos disputar as eleições mais fortes do que nunca", escreveu ACM Neto.

No Rio, o PMDB caminha para apoio ao tucano Aécio Neves, mas ainda negocia aliança do PSDB em torno da candidatura à reeleição do governador Luiz Fernando Pezão. Um ato de apoio do PMDB-RJ e outros partidos aliados de Pezão, como Solidariedade e PSD, a Aécio está sendo organizado para o fim de maio.

Eleições 2014