1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Petrobras diz que não pagou contrato com Ecoglobal

SABRINA VALLE - Agência Estado

11 Abril 2014 | 20h 13

A Petrobras informou hoje em nota que não houve qualquer desembolso em relação ao contrato de R$ 444 milhões com a Ecoglobal, empresa que está sendo investigada pela Polícia Federal (PF) por contratos com a estatal.

A Petrobras diz que o contrato em questão foi assinado em 30 de julho de 2013 e "precedido de regular procedimento licitatório", firmado para fornecimento de equipamentos, pela Ecoglobal Overseas LLC, e prestação de serviços de Avaliação de Formações, pela Ecoglobal Ambiental Comércio e Serviços Ltda.

O prazo previsto de 4 anos, a contar de 24 de julho de 2014, "quando há previsão de início dos serviços".

"A partir desta data o contrato estará disponível no Portal da Transparência, pois até o momento não houve qualquer desembolso por parte da companhia no referido contrato".

A Petrobras esclareceu ainda que, em virtude de haver fornecimento de equipamentos, que necessitam de prazo para fabricação, "é dado um prazo de mobilização para o início dos serviços, que neste caso é de 1 ano, sendo prática comum para contratos similares".

"Não está sendo negociado aditivo de valor para o contrato", disse a empresa. "A Petrobras informa, ainda, que vem colaborando com as investigações da Polícia Federal".