1. Usuário
Assine o Estadão
assine

PDT também apoia Dilma, sem mexer na Anistia e mídia

FÁBIO BRANDT - Agência Estado

10 Junho 2014 | 09h 09

O PDT também deve formalizar hoje (10) em convenção nacional em Brasília o apoio à reeleição da presidente Dilma Rousseff mas com resistências a algumas propostas defendidas pelo PT para o próximo mandato.

Segundo o presidente do PDT, Carlos Lupi, o partido não concorda, por exemplo, com a revisão da Lei de Anistia nem com a regulação dos meios de comunicação. Para ele, é preciso "ter muito cuidado" com uma proposta de revisão da Lei de Anistia, que poderia se tornar uma "caça às bruxas". E sobre a regulação da mídia, Lupi é incisivo: "O melhor regulador da mídia é a população. Quando ela quer ver, ela vê. Quando não quer, não vê". Segundo ele, "ninguém tem o direito de regular a opinião de ninguém".

A convenção começa às 10h. Dilma deve chegar ao meio-dia, com o vice Michel Temer. O PDT quer incluir no programa da presidente o ensino em tempo integral e reivindicações trabalhistas. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.