1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Eleições 2014

No RJ-TV, Garotinho enaltece seu governo e ataca Cabral

FÁBIO GRELLET - Estadão Conteúdo

20 Agosto 2014 | 19h 45

O deputado federal Anthony Garotinho, candidato ao governo do Estado do Rio pelo PR, foi entrevistado nesta quarta-feira, 20, durante o RJ TV, da TV Globo. Ele defendeu seu governo (Garotinho foi governador entre 1999 e 2002) e criticou a gestão de Sérgio Cabral (PMDB), que governou o Estado de 2007 a 2014.

Questionado sobre seu envolvimento com Álvaro Lins, nomeado por Garotinho chefe da Polícia Civil e preso em 2008 por envolvimento com o crime organizado, o candidato afirmou que "isso já está totalmente esclarecido" e afirmou que "quem investigou essa suposta quadrilha foi nosso governo, quem praticou os primeiros atos de investigação fomos nós".

Garotinho disse considerar "estranha" a decisão de condená-lo a doar cestas básicas, por conta do envolvimento com Lins. "Fui condenado a fazer o que sempre fiz, que é ajudar o povo", afirmou. "Esse juiz (que condenou Garotinho), é bom que se diga, tem um irmão nomeado num cargo de confiança do governo Cabral", afirmou. Por isso ele não poderia julgar esse caso, defendeu o candidato.

Garotinho também foi questionado sobre transporte, e afirmou que pretende levar o metrô até a Baixada Fluminense por meio de veículos leves sobre trilhos (VLT). Por fim, o candidato do PR elogiou o desempenho de seu governo na área da educação e criticou novamente Cabral - a quem acusou de ter fechado 300 escolas.

Eleições 2014