1. Usuário
Assine o Estadão
assine

'Não acho que CPI seja para partidarizar', diz FHC

LUCIANA NUNES LEAL - Agência Estado

24 Março 2014 | 17h 05

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso disse nesta segunda-feira que mudou de ideia e passou a defender uma CPI para investigar contratos da Petrobras porque pensou "que fosse mais simples e é mais complexo". "Não acho que qualquer CPI seja para partidarizar", acrescentou.

Questionado se a compra da refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos, pela Petrobras, põe em xeque a imagem da presidente Dilma Rousseff como gestora, Fernando Henrique respondeu: "O PAC já basta para arranhar a imagem da presidente como gestora". Ele deu as declarações em entrevista depois de proferir aula inaugural de sociologia na PUC-Rio.