Maioria decide que Azeredo será julgado em 1ª instância

Os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiram, na sessão desta quinta-feira, 27, encaminhar para a 1ª instância o processo no qual o ex-deputado federal Eduardo Azeredo (PSDB-MG) é acusado de participação em um esquema de desvio de recursos públicos que ficou conhecido como mensalão mineiro.

AE, Agência Estado

27 Março 2014 | 18h29

Até o momento, seis ministros votaram pelo envio do processo para a 1ª instância. Foram eles: José Roberto Barroso, Rosa Weber, Teori Zavascki, Luiz Fux, Dias Toffoli e Gilmar Mendes.

A discussão foi aberta porque, em fevereiro, Azeredo renunciou ao mandato na Câmara e perdeu a prerrogativa de foro. Com isso, o julgamento segue para a Justiça de Minas Gerais.

Mais conteúdo sobre:
STF Azeredo mensalão PSDB

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.