1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Lula é um dos maiores cabos eleitorais, diz Edinho

CARLA ARAÚJO E BEATRIZ BULLA - Agência Estado

10 Fevereiro 2014 | 20h 16

O ex-presidente do PT paulista e deputado estadual Edinho Silva afirmou ao chegar para o evento de 34 anos do partido, em São Paulo, que a ausência do ex-presidente Lula é mais do que justificada. "Ele está numa missão extremamente importante. Essa agenda nos Estados Unidos, em Nova York, falando da nossa economia, diferenciando o Brasil em relação a essa suposta crise dos emergentes, é uma agenda fundamental. E é plenamente justiçada a ausência dele por esse motivo", afirmou.

Edinho confirmou que Lula será o grande cabo eleitoral e Dilma na campanha para a reeleição. "O presidente Lula é um dos maiores cabos eleitorais do mundo e o papel dele na reeleição da presidente Dilma é fundamental", disse. Segundo Edinho, a presidente Dilma irá atuar "representando seu governo e nosso projeto" e o Lula "como o maior formador de opinião", afirmou.

Mensalão mineiro

Questionado sobre as declarações do ex-governador e deputado Eduardo Azeredo (PSDB-MG), que afirmou ser tão inocente no caso do mensalão tucano quanto o ex-presidente Lula, Edinho disse que "o presidente Lula está muito acima dessa disputa pequena". "Cada um tem que pagar pelos seus erros. Espero que a justiça brasileira de fato seja uma justiça isenta", afirmou.

Edinho disse ainda que espera que as lideranças do PSDB sejam julgadas e "tenham direito a defesa a luz da legislação". "Nunca vibrei quando o PSDB se envolveu em denúncias", garantiu.

Segundo Edinho, sempre que a polícia chega perto das ocorrências policiais todos saem perdendo. "Não é bom para ninguém", afirmou.