Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Política

Política » Justiça intima Dirceu a pagar multa de R$ 971 mil

Política

Justiça intima Dirceu a pagar multa de R$ 971 mil

A Vara de Execuções Penais (VEP) de Brasília determinou nesta quinta-feira, 20, que se notifique o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu a pagar a multa imposta a ele no processo do mensalão. No julgamento da ação penal, o Supremo Tribunal Federal (STF) condenou Dirceu a desembolsar R$ 971 mil pela condenação de corrupção ativa - além da pena de prisão que cumpre desde meados de novembro.

0

RICARDO BRITO,
Agência Estado

20 Fevereiro 2014 | 18h45

A decisão da VEP de Brasília não fixa prazo para que Dirceu pague o débito, mas apoiadores do ex-ministro já estão arrecadando recursos para ajudá-lo a quitar a dívida. Até o momento, um site criado para fazer um "vaquinha virtual" para Dirceu recolheu R$ 825 mil de 2.785 doadores - 85% do total. A Justiça do Distrito Federal informa que o não pagamento da dívida levará à inscrição de Dirceu no cadastro de devedores da Dívida Ativa da União. O advogado José Luiz de Oliveira Lima, defensor do ex-ministro, afirmou que ainda não foi notificado da decisão da Vara de Execuções Penais da capital.

Mais conteúdo sobre:

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.