1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Jorge diz não se lembrar do caso

O Estado de S.Paulo

18 Junho 2014 | 02h 06

O ministro do TCU José Jorge afirma não se lembrar do caso Repsol porque ele ocorreu há 13 anos. Questionado se considerava a estratégia governista de constrangê-lo nas CPIs do Congresso uma forma de vingança, ele respondeu: "Ainda não fiz nada em Pasadena, só se for vingança por antecedência". Jorge não tem mais filiação partidária.

A Petrobrás não respondeu aos questionamentos da reportagem. Nas defesas entregues à Justiça, Jorge e Petrobrás defendem a operação com a Repsol.

  • Tags: