1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Inflação continuará sob controle, diz Dilma

BERNARDO CARAM - Agência Estado

30 Abril 2014 | 20h 37

Em pronunciamento feito na noite desta quarta-feira em cadeia nacional de rádio e televisão, a presidente Dilma Rousseff afirmou que o seu governo sempre será "o governo do crescimento com estabilidade, do controle rigoroso da inflação e da administração correta das contas públicas". Ela afirmou que a população não pode aceitar o que classificou como "uso político da inflação por aqueles que defendem o ''quanto pior, melhor''".

"Em alguns períodos do ano, sei que tem ocorrido aumentos localizados de preço, em especial dos alimentos. E esses aumentos causam incômodo às famílias, mas são temporários e, na maioria das vezes, motivados por fatores climáticos. Posso garantir a vocês que a inflação continuará rigorosamente sob controle, mas não podemos aceitar o uso político da inflação por aqueles que defendem ''o quanto pior, melhor''", disse.

A presidente ressaltou que, nos últimos 11 anos, o País teve o mais longo período de inflação baixa da história e lembrou que a tarifa de luz também teve a maior redução de tarifas já feita. Sobre o setor elétrico, ela ressaltou que as indústrias termoelétricas tiveram que ser acionadas por causa da escassez de chuvas, o que baixou o nível dos reservatórios. "Imaginem se nós não tivéssemos baixado as tarifas de energia em 2013. Os investimentos que fizemos em geração e transmissão de energia permitem hoje ao Brasil superar as dificuldades momentâneas, mantendo a política de tarifas baixas.", disse.