1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Eleições 2014

Ibope: rejeição de Dilma é 36%, de Aécio, 18%

LETÍCIA SORG - Estadão Conteúdo

26 Agosto 2014 | 18h 25

A taxa de rejeição de Dilma Rousseff (PT) é de 36% e de Aécio Neves (PSDB), 18%

Fábio Motta/Estadão
No levantamento anterior do Ibope, feito entre 3 e 7 de agosto, ainda com Eduardo Campos como candidato do PSB, a taxa de rejeição de Dilma era 36%, a de Aécio, 15%

Pesquisa Ibope encomendada pelo Estadão e pela Rede Globo mostra que a nova candidata do PSB à Presidência, Marina Silva, tem a menor taxa de rejeição entre os principais candidatos neste pleito: 10% dos eleitores disseram que não votariam nela de jeito nenhum. A taxa de rejeição de Dilma Rousseff (PT) é de 36% e de Aécio Neves (PSDB), 18%. Segundo a pesquisa, 14% dos eleitores não votariam de jeito nenhum no Pastor Everaldo (PSC).

No levantamento anterior do Ibope, feito entre 3 e 7 de agosto, ainda com Eduardo Campos como candidato do PSB, a taxa de rejeição de Dilma era 36%, a de Aécio, 15%. Campos tinha 9% de rejeição e o Pastor Everaldo, 11%.

A pesquisa Ibope foi realizada entre 23 e 25 de agosto, por encomenda da Rede Globo e do jornal O Estado de S. Paulo. Foram feitas 2506 entrevistas em todo o País. A margem de erro máxima é de dois pontos porcentuais para mais ou para menos, em um nível de confiança estimado de 95%. Ou seja, se fossem feitas 100 pesquisas idênticas a esta, 95 deveriam apresentar resultados dentro da margem de erro. A pesquisa foi registrada na Justiça eleitoral com o número BR-428/2014.

Eleições 2014