1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Grupo invade Ministério do Desenvolvimento Agrário em protesto pela reforma agrária

- Atualizado: 02 Fevereiro 2016 | 11h 18

Cerda ede 100 integrantes da Frente Nacional de Luta, Campo e Cidade quebraram vidraças e arrombaram a porta do prédio nesta madrugada

BRASÍLIA - Integrantes da Frente Nacional de Luta, Campo e Cidade (FNL) invadiram o prédio do Ministério do Desenvolvimento Agrário, às 3h50 desta terça-feira, 2, em manifestação por reforma agrária e demarcação de terras indígenas e quilombolas.

Segundo a Polícia Militar do Distrito Federal, o grupo é formado por cerca de 100 pessoas. As vidraças da frente do ministério foram quebradas e a porta arrombada para a entrada dos manifestantes na madrugada.

Grupo invade Ministério do Desenvolvimento Agrário
Grupo invade Ministério do Desenvolvimento Agrário

Eles ainda estão no ministério e devem se reunir com o ouvidor agrário nacional, desembargador Gecino José da Silva Filho.

No prédio do Ministério do Desenvolvimento Agrário também despacham funcionários do Ministério do Esporte, da Controladoria-Geral da União e da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial.

Pela manhã, os manifestantes chegaram a interditar parcialmente o Eixo Monumental, via principal de Brasília, que dá acesso aos ministérios e ao Congresso Nacional. O trânsito foi liberado posteriormente. 

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em PolíticaX