Força-tarefa pode ouvir hoje ex-braço direito de Palocci

Depoimento de Branislav Kontic deve ser tomado após oitiva de Lula

Francisco Carlos de Assis, O Estado de S.Paulo

13 Setembro 2017 | 10h51

CURITIBA - Além do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a força-tarefa da Lava Jato da Justiça Federal de primeira instância do Paraná poderá tomar nesta quarta-feira, 13, o depoimento de Branislav Kontic, ex-assessor especial da Casa Civil e braço direito do ex-ministro Antonio Palocci.

A informação é da assessoria de imprensa da Justiça Federal paranaense. A realização da oitiva de Branislav pela equipe comandada pelo juiz Sérgio Moro vai depender do quanto demorar o depoimento de Lula. O depoimento do ex-braço direito de Palocci foi marcado para depois que Moro ouvir Lula.

O ex-presidente será ouvido no caso que envolve supostos crimes de corrupção envolvendo repasses de recursos e lavagem de dinheiro da empreiteira Odebrecht.

O depoimento de Lula, que em 10 de maio já foi ouvido por Moro, está previsto para começar às 14 horas. A expectativa é de que desta vez a oitiva seja mais curta do que foi em maio, quando terminou por volta das 19 horas.

A expectativa da Secretaria de Segurança do Paraná é de que o depoimento de Lula atraia um público de 5 mil pessoas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.