1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Ex-diretor da Petrobrás preso pela PF foi homenageado pela Câmara em 2007

EDUARDO BRESCIANI - Agência Estado

01 Abril 2014 | 20h 53

Paulo Roberto Costa, indiciado por corrupção passiva pela Polícia Federal, recebeu condecoração do então presidente da Casa, Arlindo Chinaglia (PT-SP)

Preso desde o dia 20 de março pela Operação Lava Jato, da operação da Polícia Federal, que desbaratou um esquema de lavagem de dinheiro, e envolvido no caso da refinaria de Pasadena, o ex-diretor de Abastecimento da Petrobrás, Paulo Roberto Costa, foi homenageado pela Câmara dos Deputados em 21 de novembro de 2007 com a Medalha do Mérito Legislativo.

Com amplo trânsito no Congresso, o ex-diretor recebeu a comenda por indicação do deputado Mário Negromonte (BA), líder do PP na época e que chegou a ser ministro das Cidades na administração Dilma Rousseff. Então presidente da Câmara, Arlindo Chinaglia (PT-SP), que ocupa atualmente a liderança do governo Dilma, comandou a cerimônia de homenagem. Segundo secretário da Casa, o atual senador e presidente do PP Ciro Nogueira também estava à frente da cerimônia e posou para foto junto com o ex-diretor.

Negromonte diz que a indicação não foi exclusivamente sua, mas de toda a bancada do PP. Chinaglia informou por meio de sua assessoria que apenas cumpriu o expediente de fazer a entrega como presidente da Casa. A assessoria de Ciro Nogueira diz não ter conseguido contato com o senador. Além de Costa, outras 22 pessoas receberam a medalha no mesmo dia.

O amplo trânsito no Legislativo foi o que segurou Paulo Roberto Costa na Petrobrás. Indicado em 2003 pelo PP, ele expandiu suas relações de lealdade ao PT e ao PMDB conseguindo permanecer no cargo até 2012. Deixou a função apenas com as trocas promovidas na diretoria pela presidente Graça Foster naquele ano.   Costa é apontado como um dos resposáveis pelo relatório de compra da polêmica refinaria de Pasadena, considerado "falho" pela presidente Dilma Rousseff. Preso pela PF, ele foi indiciado por corrupção passiva.

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo