1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Em meio a tensão com PT, bancada do PMDB cogita convocar ministros

Erich Decat - O Estado de S. Paulo

10 Março 2014 | 17h 23

Parlamentares vão decidir nesta terça se chamam Miriam Belchior (Planejamento), Aguinaldo Ribeiro (Cidades) e Ideli Salvatti (Relações Institucionais)para discutir sobre emendas

Brasília - Em meio às tensões entre o Palácio do Planalto e a bancada do PMDB da Câmara, integrantes da Comissão Mista do Orçamento devem discutir nesta terça-feira a convocação dos ministros Miriam Belchior (Planejamento), Aguinaldo Ribeiro (Cidades) e Ideli Salvatti (Relações Institucionais).

Os pedidos de convocação de Belchior e Ribeiro foram feitos, respectivamente, pelo deputado Domingos Sávio (PSDB) e pelo vice-líder do PMDB, deputado Danilo Forte (CE), e constam na pauta do colegiado de amanhã. Forte também pretende que seja incluída na discussão a ida de Salvatti.

"O pedido foi feito com base na discussão das emendas do ano passado porque houve um problema específico no Ministério das Cidades em que 18 parlamentares do PMDB ficaram com as emendas aprovadas, mas não foram empenhadas", afirmou o vice-lider do PMDB na Câmara, Danilo Forte ao Broadcast Político, serviço de informação em tempo real da Agência Estado.

Também está entre as preocupações do governo a pauta de votação do plenário da Câmara. Nela consta um requerimento que autoriza a criação de uma comissão externa para investigar possíveis fraudes ocorridas na Petrobras. Um posicionamento do PMDB, segunda maior bancada da Casa, favorável à aprovação do requerimento pode ser decisivo para uma derrota do governo.

Nas sessões ordinárias, a pauta do plenário continua trancada por seis projetos de lei do Executivo com urgência constitucional. O primeiro deles é o do Marco Civil da Internet, que ainda não tem consenso para ir a votação.

Disputas. Nesta terça, o vice-líder do PMDB na Câmara chegou ainda a falar que possibilidade de o PT abrir mão de lançar candidatos em até seis Estados para apoiar nomes do PMDB não resolveria as insatisfações da legenda.

"O PMDB é muito maior que esses seis Estados. E se você levar em consideração, eles representam no máximo 10 ou 15% da convenção", disse o parlamentar.

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo