1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Dilma faz reunião com autoriades do setor elétrico

TÂNIA MONTEIRO - Agência Estado

10 Abril 2014 | 21h 29

Preocupada com a situação de baixa nos reservatórios e com falta de chuvas em vários Estados, a presidente Dilma Rousseff convocou os representantes do setor elétrico para mais uma reunião nesta quinta-feira, 10, no Palácio do Planalto. A reunião começou por volta das 17 horas e durou cerca de três horas e meia. A presidente quer ter certeza que o abastecimento está garantido e que o País não enfrentará problemas de falta de energia.

Dilma quis ouvir um balanço completo da distribuição de energia no Brasil e do acionamento das termelétricas que será necessário por causa de falta de chuvas em algumas regiões. O Planalto, no entanto, não informou se houve alguma decisão tomada na reunião ou qual o balanço apresentado pelos dirigentes do setor. Coincidência ou não, a reunião foi realizada um dia depois de a Asa Norte, um dos bairros centrais de Brasília, ter ficado sem luz por cerca de quatro horas. Esse apagão ocorreu na noite de ontem.

Na reunião com a presidente Dilma no Planalto estavam presentes o ministro das Minas e Energia, Edison Lobão; o secretário executivo do MME, Márcio Zimmermann, o diretor do Centro de Pesquisas de Energia Elétrica (Cepel), Albert Cordeiro de Melo, e Maria Elvira Maceira, também da Cepel; além do diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), Romeu Rufino; o presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Mauricio Tolmasquim; e o diretor-geral do Organizador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), Hermes Chipp.

Ao final da reunião, a presidente Dilma deixou o Planalto em direção à base aérea para embarcar para Porto Alegre, onde participa de duas cerimônias na manhã desta sexta. A primeira, às 9 horas, será a inauguração do sistema de esgotamento sanitário. A segunda agenda, às 11 horas, é de formatura de alunos do Pronatec. A presidente deverá retornar a Brasília no sábado.