1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Corrupção é a maior causa de expulsão de servidores

MARCELO DE MORAES - Agência Estado

10 Fevereiro 2014 | 17h 20

Dados da Controladoria Geral da União (CGU) mostram que a corrupção é disparada a principal causa de expulsão de funcionários federais do serviço público. No período de 2003 a 2013, foram rifados dos quadros do governo federal 4.577 servidores. Desses, 3.078 foram punidos por algum tipo de ato ligado à corrupção. Isso equivale a 67,25% do total de expulsos.

Outras 1.025 expulsões (22,39%) ocorreram por conta de abandono de cargo, inassiduidade ou acumulação ilícita de cargos.

No ano passado, foram 377 servidores federais expulsos por corrupção. Ou seja: é praticamente como se todos os dias um funcionário público fosse mandado embora por envolvimento com atos de corrupção.

O Ministério da Previdência Social é o líder nas estatísticas de funcionários expulsos - independente de motivo. Sozinho, foi responsável por 1.157 expulsões. Isso representa 25,26% do bolo de servidores punidos.