1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Mensalao

Condenado no mensalão, Valério é transferido para presídio perto da família

Ricardo Chapola - O Estado de S.Paulo

28 Maio 2014 | 09h 08

Empresário, que cumpria pena em Brasília, na Papuda, agora vai ficar recolhido em Contagem (MG)

SÃO PAULO - O empresário Marcos Valério, condenado no processo do mensalão, foi transferido nesta quarta-feira, 28, para um presídio de Minas Gerais. Desde novembro, ele cumpre a pena de 37 anos, 5 meses e 6 dias no complexo penitenciário da Papuda, em Brasília.

Segundo a defesa do empresário, a transferência de Marcos Valério atendeu a um pedido feito por ele sob argumento de que estava "difícil e oneroso" para a família ir de Minas a Brasília visitá-lo.

"Estava extremamente difícil e oneroso para a família fazer as visitas. E todo preso tem direito de ficar recolhido perto da família", afirmou o advogado do empresário, Marcelo Leonardo. Ele disse ainda que a transferência tem o parecer favorável da Procuradoria-geral da República desde o dia 6 de janeiro.

Valério deve ficar preso em Contagem. A transferência de Valério para Minas foi autorizada pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa, na semana passada.

"Apesar da cautela recomendada pelo juízo das execuções penais de Contagem (MG), considerada a possível existência de um plano para extorquir o apenado Marcos Valério ou seus familiares, o próprio condenado insiste no pedido de transferência", escreveu o ministro no despacho. "Ademais, a administração garantiu haver condições de receber o preso em condições de segurança".

Mensalao