1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Comissão do Senado aprova três nomes para TCU

DAIENE CARDOSO - Agência Estado

23 Abril 2014 | 14h 04

A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado aprovou nesta quarta-feira a indicação de três servidores de carreira para ocupar uma vaga no Tribunal de Contas da União (TCU). Bruno Dantas, indicado pelos governistas, Fernando Moutinho, apoiado pela oposição, e Sérgio Mendes, defendido pelo Solidariedade, serão submetidos a votação no plenário da Casa. A votação pode acontecer ainda hoje, uma vez que a comissão aprovou o requerimento de urgência para apreciação dos nomes. Um dos três será o substituto do ministro Valmir Campelo.

Dantas tem o apoio de 51 senadores, principalmente do PMDB e do PT, e surgiu após a desistência do senador Gim Argello (PTB-DF). Ex-consultor jurídico do Senado, ele também foi conselheiro do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). Na sabatina, Dantas apresentou os apoios dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski e Luiz Fux. Já Fernando Moutinho, consultor do Senado, tem o apoio do PSDB e do PSB. Sérgio Mendes, auditor do TCU, foi indicado pelo senador Vicentinho Alves (SDD-TO).

Durante a sabatina, os candidatos concordaram com a tese de que o Brasil é pouco auditado e defenderam mais fiscalização sobre as operações de empresas públicas, como a Petrobras e o BNDES. Eles defenderam o aperfeiçoamento do Regime Diferenciado de Contratações (RDC) e, com exceção de Moutinho, os candidatos criticaram a paralisação de obras públicas em situações de indícios de irregularidades. "O Brasil não pode ficar paralisado por uma decisão burocrática", afirmou Dantas.