Clodovil deixa clínica e vai para hotel em São Paulo

Deputado estava internado no Hospital Sírio-Libanês , em São Paulo, desde a semana passada

Andréia Sadi,

12 Junho 2007 | 18h06

Seguindo orientações médicas, o deputado federal Clodovil Hernandes (PTC-SP), 69 anos, se dirigiu nesta terça-feira, 12, a um hotel, em São Paulo, para permanecer em repouso absoluto, após sofrer um acidente vascular cerebral (AVC).O nome do hotel não foi divulgado para evitar tumulto da imprensa, informou sua assessoria. Hernandes estava internado na Unidade Crítica Coronariana do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo e recebeu alta hospitalar na segunda-feira, após sete dias internado. Segundo a sua assessoria, o deputado passa bem e escreveu uma nota destinada à imprensa, que será divulgada ainda nesta tarde. Hernandes permanece em São Paulo para ficar próximo de socorro médico. Após o período de repouso de uma semana, Clodovil será avaliado e poderá voltar à clínica, informou a assessoria. Caso tudo ocorra bem, dentro de 15 dias, o deputado deverá voltar para Brasília. Essa é a terceira internação do parlamentar em 2007. Nas outras duas vezes, Clodovil ficou na Clínica Santé, em Moema. Em 28 de março, o motivo da internação foi uma suspeita de dengue, e em 14 de maio, pressão alta. Na época, exames realizados no Instituto do Coração (Incor) revelaram que o deputado é hipertenso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.