1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Cid Gomes anuncia no Facebook que não será candidato

CARMEN POMPEU - Agência Estado

04 Abril 2014 | 18h 41

Descansando por recomendação médica, após passar mal nesta quinta-feira à noite, dia 3, durante inauguração de obra no interior, o governador do Ceará, Cid Gomes (PROS), comunicou, nesta sexta-feira, 4, sua decisão de cumprir seu mandato até o final via mídias sociais. Em sua página no Facebook, ele disse ter recebido apelos de diversos amigos, partidos e lideranças políticas do Ceará para considerar a possibilidade de deixar o governo do Estado, de maneira a ensejar uma candidatura do nosso partido ao Senado Federal.

"Como sei que as questões do Ceará dependem muito de força junto ao Governo Federal, o que se dá também através de uma forte bancada de senadores, abri uma discussão que concluo hoje", escreveu.

Na mensagem, ele diz ainda ter recebido opiniões as mais diferentes e que pediu a Deus que o iluminasse. "Procurei sentir o coração dos cearenses", pontuou. "Cheguei à conclusão de que minha responsabilidade é permanecer no governo até o fim. Concluir a obra que iniciei, aperfeiçoar as políticas públicas sob minha responsabilidade e, fundamentalmente, entregar o Estado do Ceará em boas mãos, me parece ser o meu dever".

Cid agradeceu a todas as expressões de carinho, respeito e apoio que disse ter recebido ao longo do processo e renovou seu compromisso de "trabalhar até o último dia para fazer do Ceará uma comunidade mais justa, mais próspera e com oportunidades iguais para todos".