1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Campos propõe governo transparente com visão de Estado

SUZANA INHESTA , ANA FERNANDES E FERNANDO TRAVAGLINI - Agência Estado

26 Maio 2014 | 10h 38

O ex-governador do Estado de Pernambuco e pré-candidato à Presidência da República Eduardo Campos (PSB) afirmou, há pouco, em seu discurso de abertura no evento com empresários promovido pelo Grupo Estado e a Corpora, que o presidencialismo de coalização precisa de um Estado que não atrapalhe, que remova um serviço de qualidade ao País. "Do ponto de vista institucional, precisamos de um governo de visão de Estado, de reforma, com transparência, com marcação de metas, de produtividade. Para termos segurança jurídica", falou.

Já com relação à macroeconomia, Campos afirmou que o governo precisa ter uma percepção de clareza nas regras. "E foi exatamente isso que faltou. Nos últimos anos, quebrou-se a confiança entre a liderança e liderados. Temos que ter um Banco Central independente, com conselho de responsabilidade fiscal, que pode dar a sociedade o mapa do caminho que o País está segundo", disse.

Segundo ele, o governo hoje está aumentando os gastos em energia em R$ 100 milhões, mas não ara promover melhoras, e sim para "piorar a situação do setor". "Precisamos reconduzir o Brasil a um ambiente de negócios com confiança interna e externa, o que for perdido nos últimos anos", ressaltou. (Colaborou Wladimir D''Andrade).