1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Eleições 2014

Campos diz que Renan, Sarney e Collor mandam no governo

JOSÉ ROBERTO CASTRO - Agência Estado

11 Junho 2014 | 13h 09

O presidenciável Eduardo Campos (PSB-PE) usou boa parte da sua entrevista à Rádio Amazonas, na manhã desta quarta-feira, 11, para criticar o governo da presidente Dilma Rousseff. Depois de falar da incapacidade da administração federal em oferecer serviços públicos de qualidade, Campos disse que o dinheiro dos impostos "não é cuidado com respeito". "O Brasil, quando olha para Brasília e vê Renan Calheiros, José Sarney e Fernando Collor mandando no governo da Dilma, a gente não imagina que esse governo vá chegar na vida dos mais pobres", afirmou. Campos voltou também a dizer que o Brasil, com Dilma, "parou de melhorar e começou a piorar".

Depois de afirmar que a corrupção é o que mais o deixa indignado na política brasileira, o ex-governador defendeu que a revolta dos brasileiros seja usada para romper a polarização de PT e PSDB. "Há 20 anos o PT e PSDB comandam o País e toda vez que vão comandar estão sendo cercados pelas mesmas forças atrasadas que acabam constrangendo o Brasil com as práticas políticas mais atrasadas e menos republicanas", criticou.

Eleições 2014