1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Eleições 2014

Campos critica Mantega sobre estudo para elevar tributos

LUCIANA NUNES LEAL - Agência Estado

04 Maio 2014 | 15h 13

O pré-candidato do PSB à Presidência da República, Eduardo Campos, criticou hoje (4) o ministro da Fazenda, Guido Mantega, que informou, em entrevista ao jornal O Globo, que o governo estuda novos aumentos de imposto sobre bens de consumo, assim como aconteceu com as bebidas. "Hoje mesmo tem entrevista do ministro da Fazenda falando em aumentar tributo", disse Campos. Segundo o pré-candidato do PSB, tudo que o Brasil não precisa neste instante é aumentar tributo.

"(Mantega) Fala em flexibilização de regras do trabalho. Sempre deixei muito claro que nós não vamos melhorar o Brasil retirando direitos dos trabalhadores. Precisamos melhorar o Brasil botando o País para crescer, contendo a inflação, fazendo distribuição de renda, melhorando a educação", afirmou ele, depois de participar do encerramento do seminário sobre educação organizado pela Juventude do Partido Pátria Livre (PPL), que o apoia na disputa presidencial.

O socialista, em discurso, alertou para o "terrorismo eleitoral" que, segundo ele, começa a ser adotado por militantes governistas e espalha boatos como o fim do programa Bolsa-Bamília. "Há um terrorismo eleitoral de que qualquer governo eleito (que não seja o da presidente Dilma Rousseff) vai tirar o Bolsa-Família. A arma tão usada pela direita é utilizada agora pelos que se acham ainda progressistas", discursou Campos.

Em entrevista, o ex-governador de Pernambuco insistiu que "é preciso fazer o debate de ideias e não pode ser o debate do terror ou de apostar na apatia da sociedade".

Eleições 2014