Ed Ferreira/AE - 26.07.2011
Ed Ferreira/AE - 26.07.2011

Avaliação positiva do governo sobe de 51% para 56%, indica CNI/Ibope

Pesquisa indica também aumento da aprovação pessoal da presidente de 71% para 72%; assunto mais lembrado pelos entrevistados são as denúncias de corrupção

Eduardo Bresciani, do estadão.com.br

16 Dezembro 2011 | 11h16

O percentual de pessoas que avaliam o governo como ótimo e bom subiu de 51% em setembro para 56% em dezembro segundo pesquisa Ibope encomendada pela Confederação Nacional da Indústria. A aprovação pessoal da presidente subiu de 71% para 72%. Foram ouvidos 2.002 eleitores em 142 municípios. A margem de erro é de 2 pontos percentuais.

 

O índice de 56% de ótimo/bom é o mesmo registrado em março. A pesquisa tinha registrado queda nesta avaliação positiva do governo em julho (48%) e uma pequena recuperação em setembro. Para 32% dos entrevistados em dezembro a avaliação é regular. Para 9% o governo é ruim ou péssimo. Foram 3% os que não opinaram.

 

Em relação à aprovação pessoal da presidente, a variação positiva aconteceu dentro da margem de erro. São 72% os que aprovam, 21% os que desaprovam e 7% não responderam. O melhor resultado neste indicativo continua sendo o de março, quando a aprovação a Dilma era de 73%.

 

Na comparação com o governo Lula, 57% acham os dois governos iguais, 28% vêem o governo atual pior que o anterior e 12% melhor. Foram 2% os que não opinaram.

 

De acordo com a pesquisa, o assunto mais lembrado em relação ao governo Dilma são as denúncias de corrupção. Em primeiro lugar, com 23% das menções ficou especificamente a situação do ministro Carlos Lupi, que deixou o trabalho no início deste mês. Em segundo lugar ficou a queda de ministros, com 10%.

 

 

Mais conteúdo sobre:
cni ibope avaliação dilma

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.