Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Após deixar PSDB, Mário Covas Neto vai disputar Senado pelo Podemos

Filho do ex-governador Mário Covas disse que candidatura não é contra os tucanos, mas à favor de Álvaro Dias e Márcio França

Pedro Venceslau, O Estado de S.Paulo

27 Março 2018 | 16h59

Após deixar o  PSDB no dia 1° de março, o vereador Mário Covas Neto, filho do ex-governador tucano Mário Covas, vai disputar o Senado pelo Podemos nas eleições desse ano. O anúncio será feito em um evento, no próximo dia 3, que contará com a presença do senador Álvaro Dias, pré-candidato à Presidência da República pelo Podemos.

++ Doria lamenta saída de Mário Covas Neto do PSDB

++ Um Covas de volta ao comando de SP

"Estou vivendo outro momento da minha vida. Minha candidatura não será contra os tucanos, mas à favor do Álvaro Dias e do Márcio França", disse Covas Neto ao Estado.

++ Álvaro Dias lança pré-candidatura à Presidência em Belo Horizonte 

No mesmo evento, o Podemos deve formalizar o apoio à pré-candidatura do vice-governador Márcio França (PSB) ao governo paulista. Nessa terça-feira, o PV foi o oitavo partido a anunciar formalmente apoio a França. A coligação do vice-governador já conta com PR,SD,PROS,PSC,PPL, PPS e PHS, além do PV.   

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.