1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Eleições 2014

Ao JN, Zé Maria defende estatizar bancos

CARLA ARAÚJO - Estadão Conteúdo

21 Agosto 2014 | 21h 01

O candidato à presidência do PSTU, Zé Maria, afirmou em entrevista gravada ao Jornal Nacional, da TV Globo, que defende o não pagamento da dívida interna e externa. Segundo ele, essa medida vai "melhorar a vida do povo". O candidato disse ainda que se eleito quer estatizar o sistema financeiro. "O Brasil não pode continuar subordinado ao mercado internacional", disse.

Já o candidato José Maria Eymael (PSDC) destacou sua ação como constituinte, disse que aprovou 145 propostas e explicou que tentará implementar a Constituição efetiva. Segundo ele, a definição sobre o modelo de sociedade prevê que ela seja "livre, justa e solidária". "A Constituição tem que ser cumprida", disse. O candidato afirmou ainda que é a favor de um novo sistema tributário "mais simples" e com "menos impostos".

Após encerrar a série de entrevistas ao vivo com os principais candidatos à Presidência, o Jornal Nacional passou a exibir desde ontem uma entrevista gravada de 40 segundos com os candidatos que possuem menos de 3% das intenções de votos, os considerados nanicos. O formato foi acordado com todos os partidos. Ontem, foi a vez de Eduardo Jorge (PV) e Luciana Genro (PSOL). Ainda terão espaço no telejornal esta semana os candidatos Rui Costa Pimenta (PCO), Levy Fidelix (PRTB) e Mauro Iasi (PCB).

A presidente Dilma Rousseff, o candidato tucano Aécio Neves e o então candidato do PSB, Eduardo Campos, já participaram da sabatina do telejornal. A agora candidata pelo PSB, Marina Silva, que também figura entre os principais candidatos, deve ter sua entrevista ao vivo agendada para a semana que vem. Marina assumiu oficialmente o cargo após a morte do ex-governador Eduardo Campos, vítima de acidente aéreo na semana passada.

Eleições 2014