Alves diz que impeachment de Dilma não tem fundamento

O presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), afirmou que o pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), protocolado pelo senador Mário Couto (PSDB-PA), não tem "fundamento" nem "seriedade". Cabe à Câmara autorizar ou não um processo.

EDUARDO BRESCIANI, Agência Estado

01 Abril 2014 | 17h53

"Não vejo nenhum elemento que venha justificar. Até porque agora, além da investigação feita pelos órgãos - Tribunal de Contas da União e Ministério Público -, a questão da Petrobras também tem uma CPI que está para ser instalada na Câmara e no Senado. A partir daí, você insinuar a presidente da República num comportamento como este, eu não vejo o menor fundamento, nem sequer seriedade", disse Alves.

Mais conteúdo sobre:
Dilma impachment Henrique Alves

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.