Alencar é submetido a exame para localizar sangramento

O vice-presidente José Alencar está sendo submetido desde as 15h de hoje a um exame de arteriografia - uma radiografia arterial para identificar o ponto exato de sangramento na região abdominal. De acordo com a assessoria de imprensa do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, onde Alencar está internando desde a última quarta-feira, o exame ainda não tem previsão de término.

GUSTAVO URIBE, Agência Estado

28 Dezembro 2010 | 19h29

Mais cedo, o oncologista Paulo Hoff informou que o procedimento seria realizado hoje, quando o quadro de saúde do vice-presidente permanecia estável. "O vice-presidente está bem e está lúcido", disse Hoff nesta manhã, quando deu detalhes sobre o procedimento clínico. O médico havia informado que o exame não coloca em risco a vida de Alencar e que tem como objetivo estancar os sangramentos que ele tem apresentado nos últimos dias.

O último boletim médico sobre a saúde do vice-presidente da República, divulgado no início da tarde, informa que Alencar permanece na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Cardiológica e que, após a arteriografia, será submetido a uma nova sessão de hemodiálise.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.