1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Alckmin não comenta críticas de Skaf em horário político

Na televisão, o candidato do PMDB afirmou que faltam 'garra' e 'tesão' de governar ao adversário tucano

SÃO PAULO - O governador de São Paulo e candidato à reeleição, Geraldo Alckmin (PSDB), não se manifestou nesta quinta-feira, 21, sobre as declarações de seu adversário, Paulo Skaf, de que faltam "garra" e "tesão" no estilo de governar do tucano. "Não vou comentar", disse.

Questionado se avaliou os comentários no programa eleitoral de Skaf como agressivos, o governador disse que ele usará seu tempo para "falar com a população". "Vou prestar contas e falar de futuro", afirmou.

Nesta quarta-feira, 20, na estreia do programa eleitoral Skaf declarou que o Alckmin tem um estilo de governar "meio frio, meio distante". "Acho que ele Alckmin não enfrenta os problemas de São Paulo como se fossem um desafio pessoal dele, com garra, com tesão, como se fosse a coisa mais importante da sua vida", disse o peemedebista.