1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Aécio acusa PT de usar perfis falsos para atacá-lo

Daniel Bramatti - O Estado de S.Paulo

25 Maio 2014 | 23h 35

Tucano diz ser vítima de campanha de "agressões, calúnias e mentiras"

O tucano Aécio Neves (MG) escreveu em seu perfil oficial no Facebook que foi vítima de uma "covarde campanha de agressões, calúnias e mentiras nas redes sociais", ao comentar o fato de computadores instalados na Prefeitura de Guarulhos, comandada pelo PT, terem sido usados para criar páginas com ofensas ao senador.

A informação de que parte dos ataques partiu de equipamentos localizados dentro da prefeitura petista consta em documentos da Justiça de São Paulo e foi revelada pelo jornal Folha de S.Paulo.

Aécio chamou de "jogo baixo" o suposto envolvimento do PT no caso. Afirmou, ainda, que a atitude demonstra "desespero" e "falta de responsabilidade" dos adversários. "Quanto mais a nossa pré-candidatura se firma, mais aumenta o desespero e a falta responsabilidade de quem não quer debater o futuro do Brasil". Procurado, o presidente nacional do PT, Rui Falcão, não quis comentar o episódio.

"Esse é o maior caso de ataque virtual contra um político de que se tem notícia", disse ao Estado a advogada Juliana Abrusio, sócia do escritório Ópice Blum Advogados, que foi contratado pelo PSDB para combater o que Aécio vem chamando de quadrilha virtual. A sigla pediu a quebra de sigilo dos responsáveis por vários perfis falsos, além de blogs e sites criados para atacar o senador na internet.

  • Tags: