1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Eleições 2014

'Quem é do PSDB apoia Aécio e PSB apoia Campos', afirma Alckmin

PEDRO VENCESLAU E LUÍS LIMA - Agência Estado

26 Julho 2014 | 14h 21

Governador paulista evita falar sobre apoio a Campos no Estado e diz que Aécio é seu candidato à Presidência

São Paulo - O governador Geraldo Alckmin (PSDB), candidato à reeleição, desconversou ao ser questionado sobre a decisão de abrir espaço em seu palanque para o candidato à Presidência Eduardo Campos (PSB). "Quem é do PSB vai apoiar o Eduardo Campos. Quem é do PSDB apoia o Aécio, que é o meu candidato", disse, ao lado do candidato mineiro, em evento na capital paulista neste sábado, 26. O PSB é aliado de Alckmin em São Paulo e terá a vice na chapa tucana.

EVELSON DE FREITAS/ESTADAO
Governador declarou que Aécio Neves é seu candidato

Sobre a resistência da candidata a vice na chapa de Campos, Marina Silva, de ter sua imagem associada ao tucano em propagadas eleitorais, Alckmin disse apenas que "respeita" e tem "grande apreço pela ex-ministra".

Alckmin também rebateu a acusação feita pelo provedor da Santa Casa de São Paulo, Kalil Rocha, de que o governo estadual deixou de repassar recursos federais à instituição. "Tudo que o governo repassa nós repassamos para a Santa Casa", reforçou.

O governador manifestou apoio à proposta de instalar uma auditoria para verificar o repasse de recursos. "Mas o problema não é só da Santa Casa de São Paulo, é de todos que atendem o Sistema Único de Saúde (SUS)", ressalvou.

Eleições 2014