1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Polícia investiga se sócio de Campos é dono de jatinho

Ricardo Brandt - O Estado de S. Paulo

23 Agosto 2014 | 03h 00

Compra foi intermediada por Aldo Guedes; negociação levanta suspeita de ocultação de patrimônio e sonegação de impostos

SÃO PAULO - A Polícia Federal investiga se o sócio do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos, Aldo Guedes Álvaro, é o verdadeiro dono do jato Cessna Citation 560 XLS, prefixo PR-AFA, que caiu no dia 13, em Santos (SP), matando o candidato à Presidência do PSB e mais seis pessoas.

Homem de confiança de Campos, Guedes era seu sócio na Fazenda Esperança, área de 210 hectares, e na Agropecuária Nossa Senhora de Nazaré, em Brejão (PE). Ele também é casado com uma prima da família.

Divulgação
O jato Cessna Citation 560 XLS, usado por Eduardo Campos

Agentes da PF já sabem que Guedes intermediou a compra feita em nome de três empresários pernambucanos e cuidou da contratação dos pilotos Marcos Martins e Geraldo da Cunha, que morreram no acidente no litoral paulista. 

Agora, a PF tenta provar que os três empresários que assumiram a compra seriam “laranjas” usados para ocultar o verdadeiro dono do jato. A aeronave é avaliada em US$ 8,5 milhões. Além de ocultação de patrimônio e sonegação fiscal, será apurado o aspecto eleitoral sobre o uso da aeronave na campanha.

O avião era de uso privado e está registrado em nome da AF Andrade, do Grupo Andrade (proprietários de usinas), com sede em Ribeirão Preto (SP). Pela Lei Eleitoral, o dono só poderia emprestar a aeronave para o candidato se trabalhasse com o aluguel ou venda de aeronaves. Se foi adquirido pela campanha, não está na prestação de contas da Justiça Eleitoral.

A AF Andrade, que está em processo de falência, só comunicou o negócio de venda à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) depois do acidente. 

Os compradores seriam os empresários João Carlos Lyra Pessoa Monteiro de Mello Filho, Apolo Santana Vieira e Eduardo Freire Bezerra Leite - todos de Pernambuco, donos de factorings e importadoras. 

Quem assumiu os custos do leasing foram as empresas BR Par Participações Ltda. e Bandeirantes Companhia de Pneus Ltda., de Apolo Vieira.

Em nota, a Bandeirantes Pneus informou que estava em negociação de compra e que o jato só não havia sido transferido porque a Cessna Finance - que detém os direitos da aeronave até o leasing ser quitado - não havia aprovado as garantias das empresas para a transação.

A PF solicitou os contratos dessa negociação e começou a cruzar os dados das duas empresas e dos empresários para tentar saber se eles poderiam ter comprado o avião.

Aliado. Guedes, que ainda não tinha aparecido nessa história, acompanhava Campos desde a época em que era deputado federal. Atual presidente da Companhia Pernambucana de Gás (Copergás), ele foi nomeado para o cargo em 2007, quando Campos assumiu o governo do Estado. 

Antes, foi levado para o Ministério da Ciência e Tecnologia em 2004, quando Campos assumiu como ministro. Ele ocupou cargo de coordenador-geral de captação de recursos. Em nota, Guedes negou relação com a compra e contratação de pilotos. A campanha não se pronunciou e os demais citados não responderam às ligações. 

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo