Divulgação
Divulgação

Paulo Hartung volta a ser eleito governador no Espírito Santo

Ele voltará ao cargo que ocupou de 2002 a 2010

FIORELLA GOMES , O Estado de S. Paulo

05 Outubro 2014 | 18h50

Atualizado às 01h40

VITÓRIA - O Espírito Santo foi o primeiro Estado a eleger um governador neste domingo: o peemedebista Paulo Hartung, que já ocupou o cargo por dois mandatos, entre 2002 e 2010, volta ao poder após obter 1.020.440 milhão de votos, o equivalente a 53,44% dos votos válidos. Ele terá como vice-governador o deputado federal César Colnago (PSDB).

Em entrevista coletiva, Hartung afirmou que a prioridade em seu terceiro mandato será a educação, além da reorganização da máquina pública. Entre seus projetos estão ainda atenção a áreas como saúde, segurança e mobilidade urbana, demandas antigas da população capixaba. O peemedebista voltou a reafirmar que fez uma campanha limpa e em cima de propostas, diante de ataques de seu adversário e ex-aliado Renato Casagrande (PSB). “Acho que neste momento estou corrigindo um erro que cometi em 2010”, disse ele, que há quatro anos apoiou a eleição do atual governador.

Casagrande recebeu 751.293 votos (39,34%). Em nota à imprensa, afirmou que recebeu a notícia da derrota com tranquilidade. “É com a tranquilidade de quem respeita a democracia e a vontade da população, expressa nas urnas, que recebo o resultado dessas eleições”, disse o socialista.

Mais conteúdo sobre:
eleições Paulo Hartung Espírito Santo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.