1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Eleições 2014

Patrimônio de Beto Albuquerque encolheu desde 2006

Ricardo Brito - Estadão Conteúdo

19 Agosto 2014 | 21h 01

Aos 51 anos, candidato a vice na chapa de Marina é filiado ao PSB desde 1986 e está em seu quarto mandato como deputado federal

O patrimônio do líder do PSB na Câmara, Beto Albuquerque (RS), confirmado nesta terça-feira, 19, para ser o vice na chapa de Marina Silva à Presidência da República, encolheu desde a eleição de 2006. Segundo declaração de bens entregue por ele à Justiça Eleitoral, Albuquerque tem atualmente um patrimônio de R$ 1.010.540,28. Oito anos atrás, o deputado tinha R$ 1.120.960,79, valor que corrigido pela inflação acumulada no período seria o equivalente a R$ 1,7 milhão.

O maior bem do patrimônio atual de Beto Albuquerque, entre os oito arrolados, é uma casa na capital gaúcha, avaliada em R$ 378 mil. Ele também é dono de um apartamento em Florianópolis, capital de Santa Catarina, no valor de R$ 182 mil e um apart hotel em Brasília, avaliado em R$ 143 mil. Ele ainda é dono de um veículo utilitário (SUV) avaliado em R$ 100 mil e uma moto Harley Davidson, de R$ 50 mil.

Aos 51 anos, Beto Albuquerque é filiado ao PSB desde 1986 e está em seu quarto mandato como deputado federal após duas passagens pela Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul. Casado com Daniela Albuquerque, Beto tem três filhos: Rafael, Nina e Luca. Um quarto filho, Pietro, morreu em 2009, quando tinha 20 anos vítima de leucemia mieloide aguda.

Eleições 2014