Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Política

Política » Arminio: ‘Nunca disse que o salário subiu demais’

Eleições

Política

Arminio: ‘Nunca disse que o salário subiu demais’

Dois dias após ser anunciado como futuro ministro da Fazenda em caso de vitória de Aécio Neves, o ex-presidente do Banco Central Arminio Fraga explicou que a afirmação feita por ele em abril, em entrevista ao Estado. “Eu nunca disse que o salário mínimo havia ‘subido demais’”, disse Fraga ontem. 

0

O Estado de S. Paulo

28 Agosto 2014 | 22h16

Segundo ele, “um blog ligado ao PT” difundiu essa versão erroneamente. Na entrevista de abril, o economista disse: “O salário mínimo cresceu muito ao longo dos anos (...). Mesmo as grandes lideranças sindicais reconhecem que, não apenas o salário mínimo, mas o salário em geral, precisa guardar alguma proporção com a produtividade, sob pena de, em algum momento, engessar o mercado de trabalho”. Segundo Arminio disse ontem, essa avaliação é “convergente de economistas do governo e da oposição, encontrada inclusive nas atas do Copom”.

Mais conteúdo sobre:

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.